Mostrando postagens com marcador ofício da Imaculada Conceição. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador ofício da Imaculada Conceição. Mostrar todas as postagens

domingo, 22 de fevereiro de 2015

Comemoração de 2 anos de Fundação da CM

No último Sábado dia 21/02 foi realizada a Assembléia Festiva em comemoração ao 2° aniversário de fundação de nossa Congregação Mariana (11/02) estiveram presentes congregados de diversas Congregações da Diocese de São José dos Campos. A assembléia ocorreu na Capela de Nossa Senhora de Fátima e foi encerrada com o canto do Ofício da Imaculada Conceição e a Santa Missa celebrada pelo Rev. Pe José Henrique do Carmo (Assistente eclesiástico da CM), publicamos abaixo algumas fotos da Assembléia e da Santa Missa.

A diretoria da CM juntamente com o Presidente da Federação Diocesana Sr. José Natal da Rocha (à esquerda) no início da Assembléia.



Alguns dos Congregados Presentes

Coral da Congregação Mariana Ns. Imaculada Conceição e São Luiz Gonzaga ajudando com os cantos e o Ofício da Imaculada Conceição.


Momento de Confraternização entre os Congregados




Ao final da Assembléia a Leitura da Ata feita pela 1ª Secretária Maria Solange Veloso

Após a Santa Missa a Partilha do Bolo

Da esquerda para a Direita: o Rev. Padre José Henrique ( Assistente Eclesiástico de nossa CM, Rodolfo Cristiano dos Santos (2ª secretário e sacristão) e Adriano do Nascimento Sousa (Presidente da CM)

sexta-feira, 13 de junho de 2014

As Metáforas do Ofício da Imaculada Conceição

Amável oferecimento de Mônica Lopes.

Deus na Bíblia deu vários sinais, d’Ele (na Sarça ardente, na Nuvem que guiava o povo no deserto, e outros), da Santíssima Trindade (nos Três Anjos que apareceram a Abraão), e tantas outras coisas.
Sobre Jesus Cristo e Nossa Senhora há muitos acontecimentos que apontam aos dois.

Em Prima - "Estrela de Jacó" 

“Eu o vejo, mas não é para agora, percebo-o, mas não de perto; uma estrela (Maria) procederá de Jacó e um cetro (Jesus, o Rei dos reis) levanta-se de Israel, que fratura a cabeça de Moab, o crânio dessa raça guerreira (satanás e seus seguidores, Jesus venceu o Pecado e acabou com o reinado de satanás). (Num 24,17)”.

Em Terça - "Trono do Grão Salomão" 

“Banaías, filho de Jojada, respondeu ao rei:” “Assim seja; assim queira ordenar o Senhor, o Deus de meu senhor e rei! Esteja ele com Salomão assim como esteve com o rei, meu senhor, e eleve o seu trono ainda acima do trono de meu senhor o rei Davi!” (I Reis 1, 36-37)

O trono sustenta o rei, o trono não é o rei, mas o trono foi elevado acima dos outros tronos. Nossa Senhora foi elevada acima de nossa natureza, para sustentar em Seu ventre o Rei, Jesus.

Em Noa - "Cidade de torres guarnecida..." 

“Levantou torres fortificadas em Jerusalém, na porta do ângulo, na porta do vale e no ângulo. Construiu também torres no deserto.” (II Cro 26, 9-10a)

Uma cidade com torres é bem protegida, vê de longe o perigo. Assim Nossa Senhora é nossa torre, pois nos protege dos inimigos e o avista de longe.

e "Ó vós que alentastes o sumo Davi!..." 

“O rei Davi estava velho, avançado em anos, e por mais que o cobrissem de roupas, não se aquecia. Seus familiares disseram-lhe: “Busquemos para nosso senhor, o rei, uma donzela virgem que sirma o rei e tenha cuidado dele, e durma em seu seio para que ele se aqueça”. Procuraram, pois, em toda a terra de Israel, uma donzela formosa; encontraram Abisag, a sunamita, e levaram-na ao rei. Essa donzela era muito formosa. Ela cuidava do rei e o servia, mas o rei não a possuiu.” (I Rei 1, 1-4)

Ora a sunamita era virgem e permaneceu virgem, como Nossa Senhora, mas serviu de alento ao Rei, como Nossa Senhora ao Rei dos reis, quando o carregou em Seus seios para aquecer o pequeno Jesus.

Em Vésperas - "...relógio que andando atrasado serviu de sinal ao Verbo encarnado".

Josué falou ao Senhor no dia em que ele entregou os amorreus nas mãos dos filhos de Israel, e disse em presença dos israelitas: “Sol, detém-te sobre Gabaon, E tu, ó lua, sobre o vale de Ajalon.”

E o sol parou, e a lua não se moveu até que o povo se vingou de seus inimigos. Isto acha-se escrito no Livro do Justo. O sol parou no meio do céu, e não se apressou a por-se pelo espaço de quase um dia inteiro. Não houve, nem antes nem depois, um dia como aquele, em que o Senhor tenha obedecido à voz de um homem, porque o Senhor combatia por Israel. Depois disso, Josué com toda a sua tropa voltou para o acampamento de Gálgala. (Josué 10, 12 – 15)

Neste texto bíblico, visto do ponto de vista de Jesus, os inimigos são os demônios e não os homens. O relógio do tempo (símbolo de Maria) parou, ou atrasou várias horas e com isto o povo teve a salvação que vem de Deus. (símbolo de Jesus – que significa Deus Salva)

Em outra parte da Bíblia:

“Ezequias disse a Isaías: “Qual o sinal de que o Senhor me curou e de que poderei subir ao templo dentro de três dias?” Isaías respondeu-lhe: “Eis o sinal que te dará o Senhor para que saibas que se há de cumprir a sua promessa. Queres que a sombra se adiante dez graus ou recue dez graus?” _ “É fácil, replicou Ezequias, que a sombra se adiante dez graus. Não! Quero que ela recue dez graus.” Orou o profeta Isaías, e o Senhor fez com que a sombra recuasse dez graus no relógio solar de Acaz. (II Reis 20, 8-11)

Ora Ezequias queria um sinal de que seria curado. O relógio solar atrasou, a seu pedido, dez graus, para mostrar que estava curado. Novamente, o relógio do sol (faz alusão a Nossa Senhora, por que trouxe a confirmação de que todos nós seríamos curados do Pecado através de Jesus Cristo.)